1 ano de brincadeiras

A criança inicia o desenvolvimento do seu psiquismo já na fase intrauterina, sendo capaz de sentir o que a mãe sente e continuar incorporando o clima afetivo do ambiente após o nascimento.

Portanto, um ambiente calmo tranquilo e seguro fará com que o bebê seja mais feliz.criancas-brincando_1_1

A estimulação precoce é o conjunto de atividades que é aplicada de forma sistemática e sequencialmente desde o nascimento. Seu objetivo é desenvolver o cognitivo, físico e emocional do bebê, buscando evitar (na medida do possível) estados indesejados no seu desenvolvimento.

É necessário reconhecer e incentivar o potencial de cada criança e os desafios presentes e adequadas à idade para que as atividades reforcem a sua autoestima e a sua aprendizagem.illustration of two ethnic children playing with paints on a play-mat

A estimulação precoce ajuda a melhorar o desenvolvimento motor, desenvolvimento cognitivo e emocional do bebê, mas também deve respeitar o desenvolvimento individual e a vontade de ser tratado. As atividades devem ser concebidas para fortalecer o vínculo emocional através de massagens e estímulos sensoriais, respeitando o desenvolvimento natural da criança e do instinto dos pais.

Mais tarde, devido ao início das atividades motoras, de concentração e de linguagem, mas também cuidando da iniciativa, independência e autoestima da criança durante todo o processo de aprendizagem.tumblr_lrxyub7MhF1r0671vo4_500

Acariciar e conversar com o bebê na barriga, cantar para ele e “encher a casa de boa música” são estímulos muito importantes para a formação da criança.

Aos três meses de idade costumam aparecer a sua capacidade de brincar, entre outras condutas inteligentes do bebê. Seu primeiro brinquedo são as suas próprias mãozinhas. O bebê olha para as suas mãos, coloca-as na boca, descobre os dedinhos e fixa o seu olhar neles, observando os seus movimentos. Esse é o jogo mais remoto da criança.

Em seguida, ela consegue produzir alguns sons, o que lhe traz imenso prazer e alegria. Aparece também o que também chamamos de as primeiras tentativas do jogo de esconder – quando ela tenta cobrir o rostinho.Brincadeiras-que-estimulam-o-cerebro-do-seu-filho-1

Entre os três e os oito meses, a criança desenvolve brincadeiras com o seu próprio corpo: vira-se, rola (atenção aos riscos de queda), mantém a cabeça em pé, estende a mão para pegar um objeto. Senta-se.

As pernas e os pés passam as fazer parte dos seus jogos corporais.

Nessa fase, os brinquedos prediletos são todos aqueles que estimulam os sentidos da criança: objetos coloridos, com textura e formas diferentes, móbiles, chocalhos, brinquedos flexíveis, coisas que se encaixam. Os chocalhos são importantes. A criança pode explorar seu barulho de todas as maneiras e tentar reproduzir os sons que ela escuta no ambiente.playtime_guide_illustration_xylaphone_tcm215-243663

CINCO MESES

Aos cinco meses de idade, a criança já aprendeu a brincar de esconde-esconde com um paninho e essa brincadeira é interessante, pois fará com que a criança perceba que a mãe some quando ela cobre o rosto e volta a aparecer quando ela o descobre. Sabe por que essa brincadeira é importante? Porque ajuda a criança a se separar da mãe.menino-a-brincar-227

Como assim?

Com oito meses, aparece a primeira angústia da criança: a angústia da separação. Ela chora quando está diante de estranhos e teme que a mãe desapareça. Brincando de esconde-esconde, ela aprende que a mãe some diante dos seus olhos, mas que volta. Assim, ela se acalma.

Por volta dos nove meses, ela já começa a brincar de teimar diante do “NÃO”. Olha para a mamãe e ri quando vai mexer em algo que sabe que a mamãe não gosta.ilustracao-bonito-de-criancas-brincando_23-2147531058

Com dez meses ela brinca com os seus genitais. Atenção com as tomadas e objetos potencialmente perigosos.

Até um ano, os melhores brinquedos são aqueles que estimulam os cinco sentidos: tato, paladar, olfato, visão e audição.

direito-de-brincar1

Os brinquedos que auxiliam do domínio dos movimentos também são ótimos: tambores, maracas, chocalhos, colheres, panelas com tampas, bichinhos de borracha e de pelúcia, móbiles, músicas, objetos sonoros e flexíveis, caixas, cubos de encaixe, bolas etc.IMG_6565-720x560

0 a 3 meses:

  • Agitar o chocalho movendo de lado a lado;
  • Jogue com seu bebê em seu colo saltando com ele;
  • Recostado em almofadas, coloque os brinquedos adequados para a sua idade e deixe-o se divertir.I-Gio-7M-16

4-8 meses:

  • Execute demonstrações de mãos, tocando e acariciando seus dedos.
  • Exercícios de incorporações: Deitado de costas, segure os seus pés com uma mão e com a outra agarre as mãos e comece a levantar.
  • Elevar o seu bebê segurando no espaço que fica entre as axilas e na cintura, para trabalhar os músculos do pescoço e lombares. Tentar manter a postura horizontal ajudará a se preparar para o momento de engatinhar.crianca-nas-flores

9 -12 meses:

  • Ajude-o a dar passos para frente.
  • Estimule jogando. Você pode ajudar com música ao dar os passos.
  • É necessário exercitar as mãos. Dê seus objetos para estimular toque.

 

http://www.saudedicas.com.br/dicas/exercicios-de-estimulacao-infantil-2610791

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.